Home INFORMAÇÕES Notícias Município é solidário ao Estado no “Dia de Mídia” para alertar a população quanto a Dengue.

Município é solidário ao Estado no “Dia de Mídia” para alertar a população quanto a Dengue.

dengue

A Casa Civil do Estado do Paraná está promovendo em parceria com todos os municípios paranaenses nesta quarta-feira 18, um “Dia de Mídia” , aonde os profissionais de saúde participam de programas nas rádios locais e através dos mecanismos de internet para chamar a atenção da população quanto aos cuidados, riscos, prevenção e combate a esta doença que se manifesta de forma crescente e preocupante em várias regiões do Estado.

Segundo a Diretora da Vigilância Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde, Adriana Pinheiro Arguelho, a conscientização da população é muito importante, pois é a principal arma para o combate contra Dengue é exatamente saber os cuidados necessários para evitar a propagação da dengue e os sintomas da dengue.

Ela lembra que a dengue é transmitida pela picada de um mosquito Aedes infectado por um vírus da dengue. O mosquito é infectado quando morde uma pessoa com o vírus da dengue no sangue. Não pode ser transmitido diretamente de uma pessoa para outra pessoa.

Atenção para os Sintomas da dengue:

Os sintomas, que geralmente começam quatro a seis dias após a infecção e duram até 10 dias, podem incluir

  • Febre súbita e alta
  • Dores de cabeça severas
  • Dor atrás dos olhos
  • Dor severa nas articulações e nos músculos
  • Fadiga
  • Náusea
  • Vômito
  • Erupção cutânea, que aparece dois a cinco dias após o início da febre
  • Sangramento leve (sangramento nasal, sangramento nas gengivas ou hematomas fáceis)

Às vezes, os sintomas são leves e podem ser confundidos com os da gripe ou outra infecção viral. Crianças mais jovens e pessoas que nunca tiveram a infecção antes tendem a ter casos mais leves do que crianças mais velhas e adultos. No entanto, sérios problemas podem se desenvolver.

Estes incluem febre hemorrágica da dengue, uma complicação rara caracterizada por febre alta, danos na linfa e vasos sanguíneos, sangramento do nariz e gengivas, aumento do fígado e falha do sistema circulatório. Os sintomas podem progredir para sangramento maciço, choque e morte. Isso é chamado de síndrome do choque da dengue.

Acredita-se que pessoas com sistema imunológico debilitado, bem como aqueles com uma segunda ou subsequente infecção por dengue, correm maior risco de desenvolver febre hemorrágica da dengue.

Tratamento para Dengue

Não existe um medicamento específico para tratar a infecção por dengue. Se você acha que pode ter dengue, deve usar analgésicos com paracetamol e evitar medicamentos com aspirina, o que pode piorar o sangramento. Você também deve descansar, beber muitos líquidos e consultar seu médico. Se você começar a se sentir pior nas primeiras 24 horas após a queda da febre, você deve ir ao hospital imediatamente para checar as complicações.

Cuidados com a Dengue

Conheça os principais cuidados com a dengue para evitar a picada e principalmente evitar criadouros da dengue em sua casa.

  • O mosquito da Dengue gosta de água limpa e parada. Evite deixar plantas em vasos com água.
  • Troque semanalmente a água dos vasos das plantas e limpe sempre os pratinhos que acumulam água.
  • Lave as jarras de flores para eliminar os ovos dos mosquitos que ficam grudados nas suas paredes.
  • Para não acumular água, as latas devem ser furadas antes de jogadas fora.
  • As garrafas vazias devem ser colocadas de boca para baixo.
  • Pneus velhos devem ser mantidos em lugares cobertos para não acumular água da chuva.
  • O lixo caseiro deve estar bem lacrado e colocado na lixeira nos horários previstos.

Para a Secretária Municipal de Saúde, Ivone Fabrício, a participação da população é a melhor forma de se combater e tentar erradicar o Aedes Aegypti mosquito que prolifera a doença. “Juntos somos mais fortes, nossos colaboradores, agentes de combate de endemias, estão a campo todos os dias e o apoio e participação da população é de grande valia para vencermos o mosquito juntos”, disse a Secretária.

Guaraniaçu, 18 de dezembro de 2019.

Por: Assessoria de Comunicação.





Avenida Abilon de Souza Naves, 394 - Centro - CEP: 85.400-000 - Guaraniaçu - PR
Fone/Fax: (45) 3232-1162 - (45) 3232-1433
Contatos e Horário de Atendimento